Centro Sebrae de Referência em Educação Empreendedora

O Sebrae Nacional, em parceria com o Sebrae/MG, lançou no mês de março o Centro Sebrae de Referência em Educação Empreendedora. O CER é um núcleo de captação, geração, gestão e disseminação do conhecimento associado aos temas Empreendedorismo e Educação Empreendedora. Entre outras finalidades, o Centro de Referência vai ampliar parcerias estratégicas e ações de disseminação da Cultura Empreendedora, bem como divulgar a produção desse conhecimento em congressos, palestras, conferências e seminários, no Brasil e no exterior. Na plataforma digital estão disponíveis também estudos e mapeamentos do comportamento empreendedor, análises comparativas sobre o impacto da atitude empreendedora, pesquisas, artigos, textos técnicos, livros e estudos de caso, objetivando o estabelecimento de uma ponte entre o universo acadêmico e o mercado.

Edital de Inovação da Indústria

O Sebrae, o Senai e o Sesi anunciam a disponibilização de até R$ 53,6 milhões para o desenvolvimento de projetos inovadores em empresas industriais e startups de base tecnológica. O Edital de Inovação da Indústria contempla empresas de todos os portes. Os projetos podem receber até R$ 150 mil para serem investidos no desenvolvimento das ideias e na sua execução. Duas grandes empresas, de porte internacional, estão envolvidas no edital e buscam o desenvolvimento de soluções específicas que contemplam micro e pequenas empresas (MPE), além de microempreendedores individuais (MEI): a Whirlpool S.A., que no Brasil está presente com as marcas Brastemp, Consul e KitchenAid; e a Zen S.A, que opera no setor automotivo desde 1960 e está presente em todos os estados brasileiros, além de mais de 60 países.

Sebrae comemora 45 anos de apoio às micro e pequenas empresas

Há 45 anos, o Sebrae apoia o desenvolvimento sustentável das micro e pequenas empresas. As soluções atendem desde o empreendedor iniciante até pequenos negócios consolidados. O presidente, Afif Domingos, ressalta o papel estratégico da instituição. ‘’São 45 anos e um trabalho voltado a esse universo da Micro e Pequena empresa. Hoje, o Sebrae é uma referência internacional, em termos de política de apoio aos pequenos. E o nosso grande desafio daqui para frente é no campo da inovação tecnológica. E a inovação quem faz é o pequeno. O grande compra pronto. Quem produz é o pequeno. Nós temos que assisti-los, dar acesso a mercado, dar acesso ao crédito e qualificá-lo para poder enfrentar a concorrência. 45 anos de amadurecimento para lançarmos as bases para o novo futuro".

Sebrae lança ferramenta para mapear turismo inteligente no Brasil

O Mapa do Turismo Inteligente, desenvolvido pelo Sebrae, permite aos pequenos negócios desse segmento fazer um cadastro com várias informações sobre os empreendimentos e onde estão localizados. São agrupados os projetos, iniciativas e destinos inteligentes que atuam pelo Brasil e cujas ações apoiam as pequenas empresas e economia locais. A plataforma é atualizada com frequência e novos projetos e destinos podem ser inscritos por qualquer pessoa. O SEBRAE se encarrega da curadoria das inscrições, para que sejam inseridas somente as iniciativas e destinos que se enquadrem no conceito de turismo inteligente.

Lançamento do Sebraelab em Brasília

O Sebrae inaugura, em Brasília (DF), um novo espaço dedicado a estimular os negócios criativos e à valorização do empreendedorismo colaborativo. Desenvolvido em parceria com o Sebrae no Distrito Federal, o Sebraelab conta com infraestrutura e design despojados, em um espaço multifuncional, pensado para a experimentação de ideias e práticas de gestão empreendedora. O local de funcionamento é na Universidade Corporativa (UCSebrae).

MEI ultrapassa 7,5 milhões de formalizados

Mais de 7,5 milhões de trabalhadores se formalizaram nos nove últimos anos como microempreendedores individuais (MEI), segundo dados do Portal do Empreendedor. Ao se formalizar, o MEI pode emitir nota fiscal e participar de licitações públicas, ter acesso mais fácil a empréstimos e fazer vendas por meio de máquinas de cartão de crédito, entre outras vantagens. A figura jurídica trouxe ainda benefícios como a possibilidade de comprar matéria-prima com descontos e a participação em licitações. Todo Microempreendedor Individual que faz o pagamento de sua contribuição mensalmente se torna um segurado da Previdência Social e, com isso, tem garantido direitos como aposentaria, auxílio-saúde e salário-maternidade.

BNDES lança linha para capital de giro dos pequenos

Com a promessa de oferecer em 1 ano R$ 20 bilhões em crédito para pequenos e médios empreendimentos, o Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) lança em agosto a linha BNDES Giro. A linha prevê aprovação de cadastro em três segundos para as empresas com dados previamente aprovados na instituição financeira repassadora do financiamento. A ideia é que toda a operação seja feita de forma digital e o crédito esteja disponível em 24 horas. Nas instituições conveniadas, o empreendedor poderá recorrer ao Fundo de Aval da Micro e Pequena Empresa (Fampe), oferecido pelo Sebrae, que oferece garantias complementares e dispõe de mais de R$ 800 milhões em recursos, que podem garantir até R$ 13 bilhões em financiamentos.